votação

Este ano, você pode votar online

Postado em Atualizado em

As eleições para o COFEM e o COREM 2R em 2014 contarão com uma modalidade a mais, além do voto presencial e por correio. Você poderá votar por email.

Até esta quinta-feira (dia 27 de novembro), você deverá receber, por carta ou por email, a cédula para votar. Bastará marcar seu voto, fotografar ou escanear a cédula preenchida e enviar para o email da comissão, que estará indicado na correspondência enviada.

Caso não receba essas informações e deseje votar por email, por favor entre em contato com a Secretaria do COREM 2R.

Anúncios

Veja os perfis dos candidatos ao COREM e COFEM nestas eleições

Postado em Atualizado em

Para o COFEM:

Katia Ribeiro da Costa e Silva – 540 I
Bacharel em Museologia e MBA em Gestão Cultural. Coordenadora de Museologia do Museu Antonio Parreiras – FUNARJ (2014), museóloga responsável pelo Museu de Odontologia Salles Cunha (2012-2013) e museóloga/gestora na Academia Nacional de Medicina (2006-2012).

Rita de Cassia de Mattos – COREM-064-I
Museóloga formada pela Escola de Museologia da UNIRIO, em 1979, atuando desde então em museus e educação. Aposentada na Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro em 2007. Em 2008, passou a integrar a equipe da Superintendência de Museus, da Secretaria de Estado de Cultura, onde atuou até julho desse ano como Gerente de Acervos Museológicos, normatizando e criando parâmetros para a documentação dos museus da Secretaria, em ambiente web, pelo Sistema de Gerenciamento de Acervos Museológicos – SISGAM; e, numa segunda etapa, integrar outras instituições públicas e privadas numa Rede de Museus. Cursa o Mestrado no Programa de Pós-Graduação em  Museologia e Patrimônio na UNIRIO.

Para o COREM 2R:

Amanda Marques – 0803-I
Formada em Museologia pela UNIRIO (2007), em História pela UFRJ (2014), com Mestrado em História Social pela UFRJ (2015) e MBA em Gestão Cultural pela Universidade Candido Mendes (2009). Tem 12 anos de experiências em projetos culturais e museológicos (planejamento e execução). Experiência com marketing em museus, pesquisa de público e mídias sociais. Desenvolvimento de projetos expositivos museológicos para museus e salas históricas da Força Aérea Brasileira. Experiência com supervisão e liderança de equipe, em gestão de museus, documentação museológica, desenvolvimento de projetos para salvaguarda de acervos da Força Aérea Brasileira e em consultoria para projetos de exposição.

Bruno César Brulon Soares –  0745-I
Museólogo e Professor Adjunto de Museologia na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro – UNIRIO. Mestre em Museologia e Patrimônio pela UNIRIO. Doutor em Antropologia pela Universidade Federal Fluminense – UFF. Atualmente é vice-presidente do Comitê Internacional de Museologia – ICOFOM e Coordenador do Curso de Museologia Integral da UNIRIO.

Clarissa Bastos da Silva – 0941-I
Formada em Museologia pela UNIRIO (2011). Técnica em Edificações pela Centro Tecnológico Celso Suckow da Fonseca (2010). Mestranda em Museologia e Museografia na Universidade de Lisboa (em andamento). Estagiou na Diretoria de Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha (05/2009 a 05/2011), no Museu Nacional da UFRJ (08/2008 a 01/2009). Estágio Curricular em Edificações na Justiça Federal de 1ª Instância (03 a 07/2007). Participou da montagem e organização da Exposição Permanente “Etnologia Indígena Brasileira” (2007) e da Exposição temporária “O Gabinete Transnatural de Domingos Vandelle” (2008). Tem conhecimentos em informática.

Lucienne Figueiredo dos Santos – 0398-I
Museóloga, coordenadora do Sistema Estadual de Museus do Estado do Rio de Janeiro, mestranda em Museologia e Patrimônio pela UNIRIO, com especialização em Administração Pública pela UERJ e extensão em Gestão de Políticas Públicas. Desenvolveu o projeto de criação e implantação do Sistema Estadual de Museus a partir de junho de 2008, coordenando suas atividades até a presente data. Dirigiu o Museu Antônio Parreiras no período de 2003 a 2008. Membro do Comitê Internacional de Museus CAMOC. Membro da Rede de Museologia Social, da Rede de Educadores em Museus e do Conselho Territorial do Museu de Favela – MUF.

Ranielle Menezes de Figueiredo – 0948-I
Mestranda em Museologia e Patrimônio do Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio, MAST / UNIRIO. Possui graduação em Museologia pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), com período sanduíche na Universidade do Porto, em Portugal. Foi estagiária do Ecomuseu da Serra de Ouro Preto e do Laboratório de Conservação e Restauração do Departamento de Museologia – DEMUL/UFOP. Atuou, ainda, como Secretária Executiva do Sistema de Museus de Ouro Preto e como Bolsista do Programa Integrado de Extensão para o Ensino e a Divulgação da Ciência – PRO CIÊNCIA, do Museu de Ciência e Técnica da Escola de Minas da UFOP, sendo uma dos idealizadores do Setor Educativo da instituição.

Raquel Villagrán Reimão Mello Seoane – 0968-I
Museóloga graduada pela UNIRIO em 2013.  Mestranda em Museologia e Patrimônio do Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio, MAST / UNIRIO. Atuou no Projeto “Recuperação e Preservação da Memória da Museologia no Brasil” (Núcleo de Memória da Museologia no Brasil – NUMMUS / UNIRIO), como Bolsista de Iniciação Científica. Produziu o filme “80 Anos da Escola de Museologia: A História de Todos Nós”. Foi estagiária nos museus da Imagem e do Som e Carmen Miranda. Trabalhou para a Cerne Sistemas, na área de inventário, catalogação, conferência e conservação do acervo museológico do Museu Carmen Miranda, Casa da Marquesa de Santos/Museu da Moda Brasileira, Casa de Oliveira Vianna e do acervo da Fundação Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Como pesquisadora do Núcleo de Memória da Museologia no Brasil, produziu os vídeos “Nair de Moraes Carvalho – 100 Anos de Vida e Trabalho” e “Ecyla Castanheira Brandão: Reminiscências de Vida e Obra”.

Tamine Gesualdi de Andrade – 0896-I
Museóloga pela UNIRIO e Conservadora e Restauradora de Bens Culturais Móveis pela FAOP (Fundação de Arte de Ouro Preto), com foco em escultura em madeira policromada, documentos em suporte de papel e pintura de cavalete. Já trabalhou na área de produção cultural na FAOP, como mediadora no Museu Casa dos Contos em Ouro Preto e como restauradora na Igreja Nossa Senhora de Nazaré em Cachoeira do Campo, distrito de Ouro Preto, dentre outras atividades ligadas à Museologia e à Conservação-Restauração. Atualmente trabalha no Arquivo Nacional através do projeto financiado pelo BNDES de conservação de negativos e fotografias.

Candidatos – Eleições no COREM 2a. R

Postado em Atualizado em

Perfil dos candidatos – Eleições de 3 e 4 de dezembro de 2013

(saiba mais sobre a votação e as eleições aqui: https://corem2r.wordpress.com/2013/11/26/eleicoes-no-corem-votacao-nos-dias-3-e-4/)

ANGELA M. C. MOLITERNO DE OLIVEIRA
Museóloga formada pelo Curso de Museus em 1976, com especialização em museus artísticos. Concursada como 1ª colocada pela FEMURJ – atual FUNARJ – no segundo concurso para museólogos de 1977. Trabalhou nas áreas de museologia em inventário, catalogação, pesquisa e documentação, além de cargos de gestão museológica e administrativa dos museus. Em 2001 e 2003 foi assessora de museologia da Coordenação de Museus e Artes Plásticas do Ministério da Cultura, em Brasília –DF. Participou do início das discussões sobre a Política Nacional de Museus, do MINC, que daria origem ao IBRAM. Foi Diretora do Museu do Primeiro Reinado de 2006 a 2009 e atualmente é diretora da Casa de Oliveira Vianna, em Niterói.

CÉSAR BALBI
Museólogo pela UNIRIO, pós-graduando em Gestão Cultural – Universidade Cândido Mendes – é, desde 1995, responsável pelo acervo do Museu Carmen Miranda e atua como diretor desde 2003. Participou de diversas exposições, incluindo curadoria em duas exposições internacionais. Estudioso de conservação preventiva em acervo têxtil, fotografias e objetos de adorno. Atualmente dedica-se à catalogação museológica em sistemas de banco de dados para acervos. É interessado em novas políticas de acervos nas três esferas governamentais, mas precisamente em políticas de aquisição e conservação de acervos em museus e direitos autorais.

CLÁUDIA PORTO
Museóloga pela UNIRIO, produtora associada do British Council para o Programa Transform de Museus, consultora da Fiocruz e CEO da Mingau Produções, (conteúdo educativo para crianças). É membro da direção do Comitê para Coleções (COMCOL) do ICOM. Tem especialização em Conservação de Obras de Arte na Itália, MBA em Gestão Empresarial (UFRJ) e cursa a especialização “Gestão e Conservação de Acervos Científicos”, na Fiocruz. Foi coordenadora de Artes do British Council, assessora técnica do Museu da República e assessora do Depto. de Escultura do MAM-Rio, dentre outros. Coordenou o voluntariado na 23a. Conferência Geral do ICOM no Rio de Janeiro em 2013. Tem ampla experiência em gestão de projetos, marketing e criação de conteúdo online.

DANIELA CAMARGO
Museóloga pela UNIRIO com pós-graduação em Gestão da Conservação pela UFMG e especialista em conservação fotográfica, fez parte da equipe de colaboradores do Centro de Conservação e Preservação Fotográfica da FUNARTE no Rio de Janeiro por 10 anos, tendo atuado como fotógrafa/conservadora e nos últimos anos foi a responsável pelo setor de projetos do mesmo Centro. Atualmente é proprietária e gerente da empresa Museo Museologia e Museografia Ltda., que atua nas áreas de conservação de acervos, montagem de exposições e desenvolvimento de projetos culturais. Foi vice-presidente da Associação Brasileira de Conservadores-Restauradores de Bens Culturais – ABRACOR, na gestão 2007/2008.

ELENORA DE MELLO NEVES NOBRE MACHADO
Museóloga, formada no Museu Histórico Nacional, especialização em Museus de História. Membro do CIDOC /ICOM. Formada em Biblioteconomia e Documentação na Universidade Federal Fluminense (UFF), em 2007. Pós Graduada em Ação Educativa e Cultural em Museus, em 1984, UNIRIO e em Administração Pública, em 2000, na Fundação Escola de Serviço Público (FESP). Carreira centrada na área de museus da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro (SEC), onde desenvolve funções de coordenação técnico-administrativas ligadas à documentação e conservação dos acervos dos museus vinculados. Coordenação técnica do Sistema de Gerenciamento de Acervos Museológicos-SISGAM. Diretora do Museu de Artes e Tradições Populares, Diretora do Museu do Ingá, Coordenadora Chefe da Diretoria de Museus da FUNARJ e atualmente Coordenadora de Museologia da Superintendência de Museus/SEC.

GLÁUCIA SOARES DE MOURA
Graduação em Museologia (UNI-RIO, 1992); Graduação e Licenciatura em História (UERJ, 2000); Especialização em Supervisão Escolar (UFRJ, 2000); Oficial do Quadro Técnico da Marinha do Brasil (CIAW, 2003), e Especialização em História Militar Brasileira (UNI-RIO, 2005). Atuou no Museu Histórico Nacional, no Arquivo Nacional, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, na FUNARTE e na Diretoria do Patrimônio Histórico e Cultural do Exército. Desde 2004 trabalha na Diretoria do Patrimônio Histórico e Cultural da Marinha. Atualmente é Capitão-Tenente, do Quadro Técnico, da Marinha do Brasil, sendo encarregada da Divisão de Museografia e da Divisão de Educação em Museus.

MARIANA SANTANA
Museóloga pela UNIRIO, com especialização em Gestão do Patrimônio Histórico e Cultural na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG. Sócia da Museo Museologia e Museografia atua, desde 2006, em projetos culturais, como exposições, criação de museus, conservação e processamento técnico de acervos, entre outros. No Centro de Conservação e Preservação Fotográfica da FUNARTE, prestou assessoria na execução de projetos. Foi conservadora na Coordenação de Preservação de Acervos no Arquivo Nacional, realizando preparo de documentos gráficos para microfilmagem e controle de qualidade no processo de restauração de obras em suporte de papel. Para a ABRACOR – Associação Brasileira de Conservadores e Restauradores de Bens Culturais participou da produção da 1ª Jornada Internacional sobre Biodeterioração de Acervos e Biossegurança Ambiental em 2005. Fez parte da comissão executiva do XII e do XIII Congressos e membro da diretoria durante o biênio 2006-2008.

PATRÍCIA DE MELLO SILVA ARAÚJO
Museóloga formada pela UNIRIO. Carreira centrada na Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado do Rio de Janeiro. Atuação em Projetos nas áreas de Educação, Conservação e, Museografia nos Museus da Funarj. Curso de Gestão e Valorização de acervos CEPDOC/Fundação Getúlio Vargas. Coordenadora de Museologia SEC/Superintendente de Museus Diretora do Museu do 1° Reinado. Assessora de Direção do Museu Antônio Parreiras. Diretora do Museu Casa Oliveira Vianna. Atualmente, diretora do Museu de História e Artes do Estado do RJ – Museu do Ingá.